Doenças dos OlhosEstrabismo

Download 3 Ebooks
 

Normalmente, os dois olhos movem-se simultaneamente, de forma que ambos vêem o mesmo objecto ao mesmo tempo.

Doenças dos Olhos

É a única maneira de se distinguirem nitidamente as coisas. Quando falta esta coordenação, isto é, quando um olho olha para um objecto e o outro olha para outro lado, diz-se vulgarmente que essa pessoa “entorta os olhos”.

Estrabismo

Em termos científicos, sofre de estrabismo, ou seja, duma falta de convergência dos dois eixos visuais para o ponto que se quer fixar. Quando este defeito aparece na idade adulta, acompanha-se duma diplopia, isto é, vêem-se duas imagens. O estrabismo pode ser divergente (desvio para fora) ou convergente (desvio para dentro). Pode estar latente e aparecer apenas ocasionalmente, em situações especiais.

Desenvolve-se desde a infância e resulta, geralmente, duma perturbação que tenha enfraquecido os músculos oculares. Pode também aparecer na idade adulta, em consequência de doenças tais como diabetes, subida da tensão arterial, ou uma lesão muscular ou cerebral. Nesses casos, o estrabismo pode desaparecer progressivamente, com a cura da doença que o provocou. Entretanto, e para se evitar a dupla visão, pode-se esconder um dos olhos com uma pala. Podem também usar-se lentes apropriadas. Por vezes, é preciso operar, isto é, proceder à deslocação da inserção de um ou outro dos músculos oculares.

Nas crianças, estas operações são relativamente correntes e, mesmo, indispensáveis. Dito isto, e por causa dos riscos de redução da acuidade visual (ambliopia), nunca se deve ficar à espera de que um estrabismo desapareça espontaneamente.


Escrito por zenia em Doenças

Etiquetas:, ,

 

Deixe a sua resposta

Algum HTML é permitido.