Para que serve a lecitina de soja?

Download 3 Ebooks
 

Mandaram-me tomar lecitina de soja para eu melhorar o mau estar, mas queria ter testemunhos reais. Tenho-me sentido bem, desde que a comecei a tomar, mas tenho sentido muita fome.
Queria saber, de quem consome, o que sente?

GD Star Rating
loading...
GD Star Rating
loading...
Para que serve a lecitina de soja? , 10.0 out of 10 based on 1 rating
  • lecitina de soja para que serve
  • para que serve lecitina de soja
  • beneficios da lecetina de soja para a criança

Escrito por Mona em Alimentos e Nutrição, Qualidade de Vida

Etiquetas:, ,

 

Uma resposta a “Para que serve a lecitina de soja?”

  1. zelianv diz:

    A lecitina de soja é ideal para o tratamento de doenças cardiovasculares e níveis de colesterol altos ou com um coeficiente HDL/LDL desequilibrado. Uma multiplicidade de estudos científicos relaciona o consumo de lecitina de soja com a diminuição do colesterol plasmático e um incremento de colesterol HDL de 46%. A lecitina de soja diminui os níveis plasmáticos elevados de homocisteína (nos últimos anos encontraram uma associação muito forte entre os níveis plasmáticos elevados de homocisteína e um maior risco de doenças cardiovasculares). Para o excesso de triglicéridos e/ou problemas de gordura metabolizada. Infiltração de gordura no fígado. Exposição hepática a substâncias nocivas. Estudos recentes também demonstraram que a fosfatidilserina (um dos nutrientes em que a lecitina de soja é rica) melhora, em certa medida, a memória e a capacidade cognitiva. Crianças em desenvolvimento, especialmente com problemas de aprendizagem. Em provas realizadas a estudantes a ingestão de 25 gramas de fosfatidilcolina demonstrou uma melhora na memória explícita 90 minutos após a toma, com um maior impacto nos estudantes mais desfavorecidos. O facto que o leite materno contém uma concentração 100 vezes superior de colina à do próprio sangue da mãe sugere um papel fundamental desta molécula no desenvolvimento do cérebro da criança. Melhora o rendimento atlético. Não está totalmente claro através dos mecanismos (pela ação da acetilcolina sobre as fibras musculares ou por diminuição comprovada da excreção urinária de carnitina), que durante o exercício os níveis plasmáticos de colina diminuem marcadamente. Os níveis de acetilcolina podem ser deficientes em certas afeções neurológicas e na velhice.

    GD Star Rating
    loading...

Deixe a sua resposta

Algum HTML é permitido.